quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Restaurante Etto

Eu sou fã do restaurante Tre Bicchieri, em São Paulo, mas a crise costuma levar as pessoas da classe média a conhecer restaurantes mais econômicos. Assim, fui conhecer o recém inaugurado Etto, que é de 2 sócios do Tre Bicchieri (rua Bela Cintra, 1783, Jardins, fone; 2649- 4448).

O local é mais despojado que o Tre,  porém também de bom gosto, com ótimo serviço e preços mais convidativos.

Parece que o forte do Etto é a  sua salumeria e suas entradas, mas os pratos não ficam atrás.

A seleção de aperitivos é boa e sempre é servida em porções de 100 gramas, como: prosciutto de Parma, queijo Taleggio e pecorino romano.

Neste tipo de restaurante, o que barateia os pratos é o fato de não usarem produtos sofisticados e caros em seus ingredientes tais como trufas, botarga e outros.

A carta de vinhos do Etto é básica, sendo que o Sassoalloro do Biondi Santi é o mais caro, custando por volta de R$330,00.  Os vinhos vem de várias importadoras e eles cobram R$50,00 de taxa de rolha, se você desejar levar o vinho de casa.

Os pratos que provei  no dia que fui ao Etto foram:

Melanzane a la diavola, fatias de berinjela grelhada, com ragu de linguiça ligeiramente picante e mussarela gratinada, como entrada (R$27,00).

Gnocci di Patate al ragu de salsiccia, um gnocci de batata ao molho de tomate cozido lentamente com linguiças artesanais, funghi e fonduta de parmesão (R$49,00)

Quadrucci di Vitello, massa fresca recheada de vitelo, com creme funghi (R$49,00). O creme funghi estava ótimo e não pecava pelo excesso de creme de leite.

Cavatelli com ragu de costela de maialino (porquinho), um tipo de Gnocci pequeno (R$49,00).

Todos os pratos estavam impecáveis, tanto na apresentação, como no sabor!

Pude perceber que no Etto se come tão bem como no Tre Bicchieri e mais em conta. A média de preço por pessoa gira em volta de 80 reais.

O vinho que acompanhou os meus pratos foi o Barone Montalto, da cepa Nero D’Avola, obviamente da Sicilia (R$50,00 por 1/2 garrafa).

Fiz duas boas refeições, em duas vezes que estive lá e sugiro este restaurante para quem gosta de cozinha boa italiana e não pretende gastar demais.

Esta é a dica da semana!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os vinhos deliciosos da Península de Setúbal, Portugal

A comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal (CVRSP) promoveu um encontro em São Paulo, em junho de 2019, para apresentar os vin...